Afasia primária progressiva

Claudia da Costa Leite

Claudia da Costa Leite

22/09/2022

Atualizado em21/09/2022

1 min

Com o envelhecimento da população mundial, vamos ter que nos familiarizar com as doenças neurodegenerativas.

Nesse sentido, a afasia primária progressiva (APP) é uma doença caracterizada por comprometimento predominante da linguagem, em geral associada à atrofia do hemisfério dominante para a linguagem.


São reconhecidos três tipos principais de APP:


  • Logopênica;
  • Semântica;
  • Não fluente/agramática.


Enquanto a variante logopênica é considerada uma patologia Alzheimer-like, as variantes semântica e não fluente/agramática são consideradas parte do espectro das demências frontotemporais. 


Diagnóstico

O artigo de Roytman M. et al (AJNR 2022) faz uma excelente revisão da classificação, critérios clínicos e de imagem para o diagnóstico de APP. 

Para o diagnóstcio APP, o principal sintoma é um déficit de linguagem, sendo este a principal causa de comprometimento da vida diária. Nas fases iniciais, não são observados déficits de memória episódica, alterações de comportamento ou distúrbios visoespaciais. 


A Tabela abaixo resume as principais caraterísticas destas três variantes de APP de acordo com o artigo de Roytman:


Tabela 1. Variantes de Afasia Primária Progressiva, principais achados clínicos e de imagem.

Fonte: Adaptado de Roytman et al (2022).


Você também pode se interessar por:

Doença do refluxo gastroesofágico: fisiopatogenia básica, epidemiologia e quadro clínico

Critérios de Boston versão 2.0 para angiopatia amiloide cerebral


Referências

Multimodality Imaging in Primary Progressive Aphasia

M. Roytman, G.C. Chiang, M.L. Gordon, A.M. Franceschi — Publicado em 25/09/2022American Journal of Neuroradiology

DOI: 

10.3174/ajnr.a7613

Tags

RADIOLOGIA
ACHADOS DE IMAGEM
Claudia da Costa Leite

Claudia da Costa Leite

Radiologia e Diagnóstico por imagem

CRM: 65349-SP

Médica radiologista formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Neurorradiologista do Grupo Fleury. Professora Associada do Departamento de Radiologia da Faculdade de Medicina da USP. Coordenadora do Ensino e Pesquisa do INRAD-HCFMUSP. Coordenadora de Pesquisa do Diagnóstico por Imagem do Hospital Sírio Libânes.

Parcerias:

logo GrupoFleury
logo MIT
logo Philips
logo Saude Id
logo BricNet
logo Cannect
logo Hospital Sírio-Libanês

A Pupilla

Siga nossas redes