Critérios de Boston versão 2.0 para angiopatia amilóide cerebral

Claudia da Costa Leite

Claudia da Costa Leite

16/08/2022

Atualizado em15/08/2022

1 min

Beta-amilóides


A deposição de proteína beta-amilóide, no sistema nervoso central, está relacionada ao declínio cognitivo e à demência. Este depósito pode ocorrer no espaço intersticial, formando as placas amilóides na doença de Alzheimer, ou pode ocorrer na parede vascular na angiopatia amilóide cerebral (AAC).




Angiopatia Amilóide Cerebral (AAC)


A AAC é uma doença de pequenos vasos relacionada à idade, caracterizada no estudo anatomopatológico pela deposição progressiva da proteína beta-amilóide na parede dos vasos cerebrais. O diagnóstico definitivo tanto da doença de Alzheimer quanto da angiopatia amilóide cerebral (AAC) é feito por estudo anatomopatológico do tecido cerebral.



Diagnóstico da AAC e estudo anatomopatológico


Para o diagnóstico provável e possível de AAC, foi criado o critério de Boston, que foi atualizado recentemente

para a versão 2.0, apresentado no artigo de Charidimou A et al (Lancet 2022).

Clinicamente, a AAC pode manifestar-se como hemorragia intracraniana espontânea, declínio cognitivo e/ou episódios neurológicos focais transitórios. Na nova versão do critério de Boston, foram consideradas, além da idade do paciente, > 50 anos, a presença de lesões hemorrágicas intracranianas (hemorragia estritamente lobar, micro-hemorragia, siderose superficial e hemorragia subaracnóideo na convexidade cerebral) e lesões na substância branca (alargamento dos espaços de Virchow Robin nos centros semiovais em número >20 e lesões subcorticais, multifocais e bilaterais com hipersinal em T2 na substância branca em número > 10).

Assim o critério definitivo de AAC inclui o estudo anatomopatológico.


No quadro abaixo (Figura 1), encontramos os critérios prováveis e possíveis de AAC atualizados:

Diante do exposto, é importante enfatizar que a introdução de lesões de substância branca como critério talvez permitirá um diagnóstico de casos mais precoces de AAC. 



Você também pode se interessar por:

1. Gliomas do adulto e a nova classificação da OMS.

2. [Resolução] Comportamentos inadequados. Qual o diagnóstico?


Referências

https://doi.org/10.1016/S1474-4422(22)00208-3

The Boston criteria version 2.0 for cerebral amyloid angiopathy: a multicentre, retrospective, MRI–neuropathology diagnostic accuracy study

Andreas Charidimou, Gregoire Boulouis, Matthew P Frosch, Jean-Claude Baron, Marco Pasi, Jean Francois Albucher, Gargi Banerjee, Carmen Barbato, Fabrice Bonneville, Sebastian Brandner, Lionel Calviere, François Caparros, Barbara Casolla, Charlotte Cordonnier, Marie-Bernadette Delisle, Vincent Deramecourt, Martin Dichgans, Elif Gokcal, Jochen Herms, Mar Hernandez-Guillamon, Hans Rolf Jäger, Zane Jaunmuktane, Jennifer Linn, Sergi Martinez-Ramirez, Elena Martínez-Sáez, Christian Mawrin, Joan Montaner, Solene Moulin, Jean-Marc Olivot, Fabrizio Piazza, Laurent Puy, Nicolas Raposo, Mark A Rodrigues, Sigrun Roeber, Jose Rafael Romero, Neshika Samarasekera, Julie A Schneider, Stefanie Schreiber, Frank Schreiber, Corentin Schwall, Colin Smith, Levente Szalardy, Pascale Varlet, Alain Viguier, Joanna M Wardlaw, Andrew Warren, Frank A Wollenweber, Marialuisa Zedde, Mark A van Buchem, M Edip Gurol, Anand Viswanathan, Rustam Al-Shahi Salman, Eric E Smith, David J Werring, Steven M Greenberg — Publicado em 01/09/2022The Lancet Neurology

DOI: 

10.1016/s1474-4422(22)00208-3

Tags

DECLÍNIO COGNITIVO
HEMORRAGIA CEREBRAL
DEMÊNCIA
ANGIOPATIA AMILÓIDE
DIAGNÓSTICO
Claudia da Costa Leite

Claudia da Costa Leite

Radiologia e Diagnóstico por imagem

CRM: 65349-SP

Médica radiologista formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Neurorradiologista do Grupo Fleury. Professora Associada do Departamento de Radiologia da Faculdade de Medicina da USP. Coordenadora do Ensino e Pesquisa do INRAD-HCFMUSP. Coordenadora de Pesquisa do Diagnóstico por Imagem do Hospital Sírio Libânes.

Parcerias:

logo GrupoFleury
logo MIT
logo Philips
logo Saude Id
logo BricNet
logo Cannect
logo Hospital Sírio-Libanês

A Pupilla

Siga nossas redes