Nova síndrome CHANTER e o uso abusivo de opioides

Claudia da Costa Leite

Claudia da Costa Leite

01/09/2022

Atualizado em15/08/2022

1 min

O uso de opióides como drogas de abuso tem aumentado, em especial na América do Norte, e parece que com a pandemia houve um aumento ainda maior do uso desta substância de maneira ilícita e abusiva, pelo menos é o que apontam estudos e pesquisas recentes.

Jasne A.S. et al. descreveram, em 2019, uma síndrome clínica e de imagem associada ao abuso de drogas e ao quadro de estupor e coma, que foi chamada de CHANTER.


Na imagem de tomografia computadorizada (TC) e na ressonância magnética (RM) analisadas no estudo, nota-se edema cerebelar, que pode evoluir com hidrocefalia. Outras alterações são encontradas no hipocampo e em núcleos da base, com restrição à difusão das moléculas de água na RM.


CHANTER e opioides


Mallikarjun K.S. et al (AJNR agosto 2022) descreveram 3 casos com a síndrome de CHANTER associados ao abuso de opioides. Nos 3 casos, o quadro cerebelar manifestou-se no diagnóstico inicial, o qual evoluiu causando hidrocefalia obstrutiva, que precisa de derivação e, às vezes, de craniectomia descompressiva. Os achados de restrição à difusão na RM foram encontrados no cerebelo, hipocampos, núcleos da base e em algumas áreas corticais. 


Comentário


A evolução dos pacientes foi variável. Nos casos com desfecho positivo, há restrição à difusão no cerebelo. Hipocampos, núcleos da base e áreas corticais desaparecem na evolução, e as lesões residuais podem permanecer. 

O estudo dos vasos intracranianos, no quadro de CHANTER, é normal nos grandes e médios vasos, excluindo a fisiopatologia de doença isquêmica por obstrução de grandes vasos, sugerindo que a alteração ocorra, predominantemente, ao nível celular. 


Você também pode se interessar por:

1. Gliomas do adulto e a nova classificação da OMS.

2. [Resolução] Comportamentos inadequados. Qual o diagnóstico?


Referências

Cerebellar Hippocampal and Basal Nuclei Transient Edema with Restricted diffusion (CHANTER) Syndrome

Adam S. Jasne, Khalid H. Alsherbini, Matthew S. Smith, Abhi Pandhi, Achala Vagal, Daniel Kanter — Publicado em 20/03/2019Neurocritical Care

DOI: 

10.1007/s12028-018-00666-4

Neuroimaging Findings in CHANTER Syndrome: A Case Series

K.S. Mallikarjun, M.S. Parsons, Z. Nigogosyan, M.S. Goyal, R.W. Eldaya — Publicado em 07/08/2022American Journal of Neuroradiology

Tags

DROGAS RECREACIONAIS
REAÇÃO AO USO DE DROGAS
OPIOIDES
SISTEMA NERVOSO CENTRAL
TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA
RESSONÂNCIA MAGNÉTICA
Claudia da Costa Leite

Claudia da Costa Leite

Radiologia e Diagnóstico por imagem

CRM: 65349-SP

Médica radiologista formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Neurorradiologista do Grupo Fleury. Professora Associada do Departamento de Radiologia da Faculdade de Medicina da USP. Coordenadora do Ensino e Pesquisa do INRAD-HCFMUSP. Coordenadora de Pesquisa do Diagnóstico por Imagem do Hospital Sírio Libânes.

Parcerias:

logo GrupoFleury
logo MIT
logo Philips
logo Saude Id
logo BricNet
logo Cannect
logo Hospital Sírio-Libanês

A Pupilla

Siga nossas redes