MISMATCH de Influenza B no Brasil

Flávia Almeida

08/09/2022

Atualizado em08/09/2022

2 min

A influenza sazonal causa globalmente 550.000 mortes/ano, sendo 6.000 no Brasil, além de 9.000.00 de hospitalizações (164.000 no Brasil). Além da carga respiratória da doença, a influenza também é potencialmente responsável pelo desenvolvimento de infecções secundárias, agravamento de comorbidades e complicações extrapulmonares, como a insuficiência renal aguda, a encefalopatia, a síndrome de Guillain-Barré, o infarto do miocárdio e a miocardite.


Influenza

Os vírus influenza pertencem à família Orthomyxoviridae e são subdivididos nos tipos A, B e C. O A e o B são os que predominantemente causam doença em humanos. O envelope do vírus é formado por uma dupla camada lipídica, que contém as glicoproteínas hemaglutinina (HA), neuraminidase (NA), principais determinantes antigênicos do vírus.


Figura 1. (Em inglês) Estrutura dos vírus Influenza.


Influenza A

Os vírus influenza A são divididos em subtipos de acordo com as diferenças das glicoproteínas (subtipos H1 a H18 e N1 a N11). Nas últimas décadas, tem circulado os subtipos A H1N1 e H3N2.


Influenza B

Os vírus influenza de tipo B não são divididos em subtipos de acordo com duas linhagens distintas: Yamagata e Victoria.

No Brasil, o Programa Nacional de Imunizações (PNI) distribui gratuitamente a vacina contra influenza para populações consideradas de risco, desde 1999. A vacina utilizada é a inativada trivalente, que contém dois subtipos do A (A/H1N1, A/H3N2) e uma única linhagem de B (Yamagata ou Victoria).


Em relação à definição da cepa de influenza B recomendada para inclusão na vacina trivalente, trata-se de um evento complexo e sujeito a frequentes falhas. Uma das limitações na efetividade da vacina é o mismatch (a cepa circulante em determinada estação é diferente da cepa incluída na vacina).


Mismatch

Este estudo avaliou o mismatch do influenza B e os aspectos clínicos das infecções por Victoria e Yamagata no Brasil, de 2010-2020.

Observou-se que linhagens de B/Victoria e B/Yamagata cocircularam em quase todas as estações, com predominância de B/Victoria na maioria dos anos. O mismatch para influenza B ocorreu em 5 das 11 estações (45,5%) (Figura 2).


Figura 2. Distribuição das linhagens de influenza B entre as 920 amostras brasileiras coletadas de 2010-2020. O mismatch é indicado por (*).



 

Considerações

Não foram identificadas diferenças significativas na apresentação clínica ou na gravidade da doença entre as linhagens, mas os indivíduos infectados pelo subtipo B/Victoria eram significativamente mais jovens, se comparados às infecções por B/Yamagata (16,7 vs. 31,4 anos, p < 0,001).

Este estudo contribui para uma melhor compreensão dos padrões de circulação e de desfechos clínicos das linhagens B/Victoria e B/Yamagata no Brasil, trazendo à tona a discussão do possível benefício da inclusão da vacina quadrivalente no PNI.

 

Você também pode se interessar por:

Avaliando o risco-benefício das vacinas de COVID-19 para crianças e adolescentes.

Poliomielite – Atenção à cobertura vacinal.


 

 


Referências

Vaccine Mismatches, Viral Circulation, and Clinical Severity Patterns of Influenza B Victoria and Yamagata Infections in Brazil over the Decade 2010–2020: A Statistical and Phylogeny–Trait Analyses

Jaline Cabral da Costa, Marilda Mendonça Siqueira, David Brown, Jonathan Oliveira Lopes, Braulia Caetano da Costa, Eric Lopes Gama, Maria de Lourdes Aguiar-Oliveira — Publicado em 05/08/2022Viruses

DOI: 

10.3390/v14071477

Tags

INFLUENZA
VACINA

Flávia Almeida

Infectologia

CRM: 91434-SP

Médica formada pela Universidade de Mogi das Cruzes, com residência em Pediatria e Infectologia Pediátrica pela Santa Casa de São Paulo, doutorado pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Professora assistente de Pediatria da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Médica assistente da Infectologia Pediátrica do Departamento de Pediatria da Santa Casa de São Paulo.

Parcerias:

logo GrupoFleury
logo MIT
logo Philips
logo Saude Id
logo BricNet
logo Cannect
logo Hospital Sírio-Libanês

A Pupilla

Siga nossas redes