Ultrasonografia pulmonar em pediatria: menos radiação em nossas crianças?

Lisa Suzuki

MARCIA WANG MATSUOKA

22/09/2022

Atualizado em22/09/2022

3 min

O uso da ultrassonografia (USG), em crianças, apresenta características favoráveis, por ser um método de imagem indolor, sem radiação, que pode ser repetido sempre que necessário. No pulmão, em particular, seu uso também é favorecido em crianças pelo biotipo, pois apresentam pouco tecido adiposo e pouca musculatura desenvolvida (Fig 1), permitindo a caracterização da superfície pulmonar de maneira bastante satisfatória 1.


Figura 1. USG pulmonar normal. Pouco tecido adiposo, pouca musculatura (seta azul) e pouca musculatura (seta verde)


USG pulmonar

Nos últimos anos, com o advento do Sars-Cov-2, o uso da USG pulmonar foi bastante divulgado, tendo sido difundido seu uso para além dos derrames pleurais, como na avaliação das consolidações pulmonares (Fig 2), avaliação de pneumotórax, avaliação dos abscessos pulmonares, com sensibilidade bastante satisfatória da detecção de alterações com pequenas dimensões e a avaliação de estruturas menores como a pleura (Fig 3). 4


Figura 2. Pequena consolidação (asterisco)


Figura 3. USG normal. Presença de linhas A (setas azuis), poucas linhas B (seta laranja), pleura fina e regular (seta curva)


Onde a USG pode ser utilizada

Além disso, em crianças menores, como os recém-nascidos, a USG pode ser utilizada no diagnóstico e no acompanhamento de alterações, presentes exclusivamente no período neonatal, de maneira bastante satisfatória, e, por vezes, de caráter transitório, como a Síndrome do Desconforto Respiratório (Fig 4) e na Taquipneia Transitporia do Recém Nascido (Fig 5).3


Figura 4. Síndrome do Desconforto Respiratório - pleura espessada e irregular (setas azuis) e pulmão ecogênico (setas verdes)


Figura 5. Taquipneia Transitória do Recém-Nascido – pulmao ecogênico (setas)


Ademais, a USG pulmonar permite a avaliação, durante a realização do método, de características dinâmicas do órgão, como evidenciar a presença do deslizamento pleural e avaliar a presença da mobilidade e simetria diafragmática (Fig 6), característica exclusiva deste método de imagem.


Figura 6. Mobilidade diafragmática presente (Modo M)


Em crianças, habitualmente, o pulmão é avaliado mediante a radiografia de tórax e tomografia de tórax, métodos que utilizam radiação ionizante. Por seu efeito cumulativo no organismo, muito tem se falado sobre a redução no uso desses métodos de imagem, principalmente na população pediátrica.


Além de evidenciar alterações pulmonares, como as acima descritas, a USG permite o diagnóstico de alterações como a presença de timo ectópico, que pode mimetizar a presença de consolidação pulmonar à radiografia de tórax (Fig 7) 2


Figura 7.Timo ao USG


Considerações

Em síntese, o uso da USG tem sido difundido na população pediátrica no acompanhamento das patologias pulmonares, reservando os outros métodos de imagem para quando a USG não for suficiente. Nesses sentidos, os autores procuraram demonstrar imagens ultrassonográficas de pulmão de crianças, exemplificando as diversas aplicabilidades do método.


4. Iovine E, Nenna R, Bloise S, Regina DP, Pepino D, Petrarca L, Frassanito A, Lubrano R and Midulla F.Lung Ultrasound: Its Findings and New Applications in Neonatology and Pediatric Diseases Diagnostics 2021, 11, 652. https://doi.org/10.3390/diagnostics11040652

 


Referências

Lung ultrasound accuracy in respiratory distress syndrome and transient tachypnea of the newborn. https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/24819542/

Lung Ultrasound in Pediatrics and Neonatology: An Update

Angela Ammirabile, Danilo Buonsenso, Antonio Di Mauro — Publicado em 07/09/2021Healthcare

DOI: 

10.3390/healthcare9081015

Neonatal lung diseases: lung ultrasound or chest x-ray

Jing Liu, Jovan Lovrenski, Arkar Ye Hlaing, Dalibor Kurepa — Publicado em 20/07/2019The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine

Lung Ultrasound: Its Findings and New Applications in Neonatology and Pediatric Diseases

Elio Iovine, Raffaella Nenna, Silvia Bloise, Domenico Paolo La Regina, Daniela Pepino, Laura Petrarca, Antonella Frassanito, Riccardo Lubrano, Fabio Midulla — Publicado em 03/05/2021Diagnostics

Tags

ULTRASSOM PULMONAR
PEDIATRIA
RADIOLOGIA PEDIÁTRICA

Lisa Suzuki

Radiologia e Diagnóstico por imagem

CRM: 72521-SP

MARCIA WANG MATSUOKA

Radiologia e Diagnóstico por imagem

CRM: 90986-SP

Parcerias:

logo GrupoFleury
logo MIT
logo Philips
logo Saude Id
logo BricNet
logo Cannect
logo Hospital Sírio-Libanês

A Pupilla

Siga nossas redes